terça-feira, 9 de maio de 2017

[Crônica] Dia das Mães

    Reza a lenda que o Dia das Mães foi criado como forma de incentivar as vendas do comércio em uma época de baixa procura. Posso até acreditar nisso, mas não consigo enxergar esse dia apenas pelo lado comercial. Acho que o Dias das Mães também tem um lado afetivo, nos fazendo lembrar que nossa mãe deve ser homenageada e tratada com carinho sempre, não só nessa data. Obviamente, a figura materna, para a maioria das pessoas, sempre é lembrada de uma forma terna e afetuosa. Nesse dia, restaurantes ficam lotados e, realmente, o comércio vende bastante. Mas será que só devemos tratar a nossa mãe com carinho nessa data ? Claro que não. E não precisamos morar com ela para isso. Muitas vezes, uma simples ligação telefônica já a faz feliz, só pelo fato de ter sido lembrada. Acredito que o dever dos filhos é se preocupar com os pais na velhice deles mesmo que, por motivos de força maior, eles não possam conviver diariamente. Desejo a todos que ainda possuem mãe viva que aproveitem bastante, não só essa data, como todo o tempo que possam conviver e cuidar dela com o mesmo carinho e atenção que foram cuidados na infância de vocês. Mãe e filho simbolizam a maior relação de amor do Universo.




2 comentários:

Adriana Campos Marinho disse...

Sua crônica, em linguagem simples, conseguiu refletir um sentimento que, creio eu, seja da maioria dos filhos que sabem reconhecer o valor de uma mãe. Parabéns, não apenas pelo texto, as tb por este carinho com que fala da sua progenitora. Todas as mães mereciam ter filhos assim.

Death Life disse...

Oi, tudo bem?
Linda homenagem que você fez para sua mãe no dia das mães. Mãe é a pessoa mais importante e valiosa da vida de cada pessoa e deve ser tratada com todo amor e carinho.